sábado, 16 de março de 2013

PLANO DE AÇÃO COORDENADOR PEDAGÓGICO














Plano de Ação da "Coordenação Pedagógica















Marabá -2013









INTRODUÇÃO:

A ação do coordenador pedagógico predomina-se em um trabalho onde a participação e integração da tríade- aluno-professor-coordenador pedagógico, aliada a uma dinâmica ativa e coerente constituiu-se num resultado cujas linhas norteadoras contribuirão para um desenvolvimento eficaz em todo fazer pedagógico da  Escola Municipal de Ensino  Fundamental  Tancredo Neves

JUSTIFICATIVA:

A dinâmica do processo didático e do conhecimento que se ensina, aprende e (re)constrói na escola, solicita do Coordenador Pedagógico que incentive e promova o hábito de estudos, leituras e discussões coletivas de textos, tanto os que trazem subsídios aos conteúdos específicos, quanto os que ampliam e aprofundam bases, encaminhamentos e concepções do ato educativo de ensinar e aprender, que caracteriza a especificidade da escola e do conhecimento que deve ser garantido. Sendo assim, a função e/ou a “missão” do coordenador , requer dele, então uma ampla e bem apoiada visão dos fundamentos, princípios e conceitos do processo didático.
Propiciando o desenvolvimento do currículo da escola, visando melhor e mais eficiente desempenho do trabalho didático-pedagógico e, obviamente, a melhoria da qualidade do processo de ensino-aprendizagem, tem o presente plano a função de orientar e avaliar todas as atividades do corpo docente, dinamizando, facilitando e esclarecendo a atuação da coordenação  pedagógica, junto ao corpo administrativo, docente e discente da escola.
Este plano é flexível de acordo com as necessidades reais da escola e de toda a clientela nela atendida

OBJETIVO GERAL:
Promover no ambiente escolar momento que possibilitem aos professores, avaliar e repensar sua prática, almejando assim, a melhoria da qualidade do processo ensino aprendizagem.


OBJETIVOS ESPECÍFICOS:

v  Coordenar a elaboração, execução e avaliação do  Projeto político pedagógico
v  Promover e junto com a direção a integração dos professores de diferentes disciplinas e segmentos, garantindo a interdisciplinaridade e a articulação entre diferentes séries e níveis da  Educação básica
v  Elaborar junto com direção e docência um plano de ação coerente e pautado na realidade da instituição escolar
v  Orientar e acompanhar no preenchimento dos diários de classe;
v  Identificar constantemente quais as prioridades das turmas e professores para prestar-lhes um melhor atendimento;
v  Visitar as salas de aula para detectar problemas existentes e procurar solucioná-los,realizando reuniões individuais  sempre que houver necessidade.

v  Promover reuniões bimestrais e extraordinárias para apresentação dos trabalhos pedagógicos e rendimento dos alunos
v  .Coordenar  e realizar a HP com os docentes da escola, promovendo momentos de estudos das dificuldades encontradas em sala de aula e incentivando troca de experiências entre professores.
v  Promover e articular momentos com a família e com a comunidade, através de palestras de sensibilização, datas comemorativas e outros eventos culturais.
v  Orientar e acompanhar o diagnóstico dos alunos, possibilitando melhor atendimento ao educando, relatando avanços e dificuldades na aprendizagem.

ATIVIDADES:

v  Coordenar as HPs
v  Acompanhar plano de aula e caderno de planejamento dos professores
v  Participação nas reuniões administrativas;
v  Acompanhar  e   motivar  ações do PDE
v  Sugerir e acompanhar a execução de Projetos
v  Acompanhar cronograma de reforço dos alunos com dificuldade de aprendizagem
v  Coordenar e acompanhar  a realização de ventos.
v  Observar direta ou indiretamente a prática pedagógica de cada professor
v  Acompanhar horário dos professores: entrada/saída/horário de lanche e faltas
v  Organizar horário na falta de professores
v  Organizar o cronograma de provas
v   Analisar e orientar  a elaboração de provas
v   Sugerir metodologias diferenciadas (filmes, jogos, livros e outros)
v  Analisar resultado de diagnóstico
v  Participação nas reuniões de Pais e Professores;
v  Assistência à direção em assuntos pedagógicos e em atividades cívicas e sociais
v  Orientação e acompanhamento no preenchimento dos diários de classe;


 METODOLOGIA DE TRABALHO:

O método de trabalho é simples, dinâmico, democrático, cooperador e de acordo com as necessidades apresentadas, colaborando com os professores na procura de meios e fins para melhor aprendizagem e formando um trinômio indispensável: aluno-professor-coordenador, e procurando a Filosofia Educacional como forma de organização para atingir os objetivos e procurando obter adesão e colaboração de todos os elementos, desenvolvendo assim, um verdadeiro trabalho de equipe.



 AVALIAÇÃO:

v  A avaliação consiste num trabalho progressivo e cooperativo entre a direção, coordenação pedagógica, orientador pedagógico e o corpo docente, integrados na diagnose dos problemas que interferem no processo ensino-aprendizagem, para dar-lhe solução adequada.
v  Esta avaliação contínua e progressiva será feita através de diagnósticos
v  Análise do plano elaborado, para verificar se os objetivos foram alcançados;
v  Observações diretas e indiretas de todas as atividades desenvolvidas;
v  Visitas, Conversas, Fichas de acompanhamento; Levantamentos estatísticos;
v  Reflexão e conclusão, Análise dos dados coletados.


 PERÍODO DE EXECUÇÃO

Durante todo ano letivo de 2013.


CONCLUSÃO:

O alcance dos objetivos deste plano, a melhoria do processo ensino-aprendizagem e o processo dos alunos não dependem somente da atuação do coordenador Pedagógico, mas também, da colaboração da Direção da Escola, do Orientador Pedagógico do   comprometimento  e aceitação  dos professores, do desempenho dos demais funcionários do estabelecimento, do interesse dos educando e ainda, do compromisso dos responsáveis pelos alunos desta instituição.
Portanto o coordenador precisa estar sempre atento ao cenário que se apresenta a sua volta valorizando  e tendo um  bom relacionamento com os profissionais, pois a questão relacionamento entre coordenador e professor  é essencial  para obter-se um bom resultados. Cabe também ao coordenador refletir sobre sua prática constantemente para superar os obstáculos  e tentar  criar estratégias  bem formuladas para  desenvolver com qualidade o processo de ensino-aprendizagem.





                                     Cronograma  de atividades 2013
AÇÃO

OBJETIVO
METODOLOGIA
JAN
FEV
MAR
ABR
MAI
JUN
AGO
SET
OUT
NOV
DEZ
 Semana  de planejamento
Formação Professores
Planejar e direcionar as  atividades do ano letivo
Estudo/Debate/
leitura de textos, vídeos e outros
  X










Formação Professores
Hora Pedagógica
Formação continuada para os professores e direcionar as atividades pedagógicas
Leituras/ Dinâmicas/ debates e outros






X

X


X

Acompanhamento  caderno de planejamento
Acompanhar o planejamento dos professores



x
x
x
x
x
x
x
x
x
Participação nas reuniões de pais e professores

Convite


x


x
x

x

x
Analisar e orientar elaboração de provas




x

x

x


x

Analisar e orientar  na realização de diagnósticos
Acompanhar o Desempenho dos alunos
Gráficos
X

x


x

x
x

x
PDE Interativo




x
x







Acompanhamento e orientação no preenchimento de diários de classes



X
x
x
x
x
x
x
x
x
x
Conselho de Classe
Resolver situações críticas de alunos  com baixo desempenho
Reunir Equipe pedagógica e alunos




x

x

x

x

                               







               Agenda semanal para  o coordenador pedagógico
Dia
Atividade
Atividades permanentes
Segunda
v    Verificação dos cadernos de planejamento
v    Acompanhamento da professora de reforço
v    Reunião equipe gestora


v    Acolhida
v    Visita nas  salas



Terça
v Verificação dos diários quanto ao registro dos professores 6º ao 9º ano (Quinzenal)
v Realização de diagnóstico e acompanhamento dos alunos com dificuldade.

v    Acolhida
v    Visita nas salas

Quarta
v    Acompanhamento dos projetos de leitura
v    Estudo para formação própria dentro da área de trabalho.
v    Reunião equipe gestora
v    PROFA


v    Acolhida
v    Visita nas salas
v    Aula de reforço
v    Atividade para casa


Quinta
v    Acompanhamento do professor no horário de
              educação física (manhã)


v    Acolhida
v    Visita nas salas


Sexta
v    Acompanhamento pedagógico no horário de
            educação física (manhã)
v    Planejamento do próprio trabalho estudo e
             preparação para formação dos professores

v    Acolhida
v    Visita nas salas

           Acompanhar atividades do centenário de Marabá
           Estimular aula de reforço


 







Equipe  de professores - 2013
Professor
Ano
Disciplina

2º ano
Ed. Geral

1º ano do 
Ed. Geral

2º ano// 3º ano
Ed.Geral

3º ano
Ed.Geral

4º ano
Ed.Geral

4º ano
Ed.Geral

5º ano
Ed.Geral

5º ano
Ed.Geral

6º/7º/8º ano
Português

6º/7º/8º ano
Matemática

6º/7º/8º ano
História/Religião

6º/7º/8º ano
Geografia/Estudos Amazônicos

6º/7º/8º ano
Ciências

6º/7º/8º ano
Inglês/Artes

6º/7º/8º ano
Ed. Fisica

Todos os anos
Sala de Leitura

Todos os anos
Sala de Informática








8 comentários:

  1. Amei! me ajudou bastante a montar o meu plano de ação...

    ResponderExcluir
  2. Gostei muito da ideia e quero fazer o meu do ano que vem baseado nesse. Posso?

    ResponderExcluir
  3. Também quero me embasar no seu... Posso?

    ResponderExcluir
  4. Muito bom. Blog: professorluizcarlosmelo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Muito bom, inclusive vou pega carona para elabora o meu ,posso?

    ResponderExcluir
  6. Ótimo!! Utilizei como um dos suportes e modelos para acabar de fechar o meu plano de ação 2014... Parabéns!!

    ResponderExcluir